21 junho, 2017

Resenha Livros #25: Mulher Maravilha





   Oi gente tudo bom com vocês? Criada para ser uma guerreira excepcional, Diana Prince, sonhava em conhecer o mundo e defende-lo desde muito pequena, mas não podia sair da ilha paradisíaca que lhe resguardava do mundo. Quando um piloto acidentalmente cai na praia, ela descobre que existe uma guerra sem precedentes ameaçando destruir o mundo. Decidida a abandonar seu lar, preparando se para toda e qualquer luta. No inicio não entende seu principio na terra, mas logo terá suas respostas. Vem comigo saber mais.


   Ao criar os homens Zeus pensou eles puros, mas ao serem facilmente corrompíveis por Aries seu próprio filho, o deus da guerra. Seu pai criou as Amazonas, elas que tinham a função de trazer paz para o coração dos homens e acaba com a guerra. O período de paz durou pouco, pois nem tudo são as mil maravilhas. Então foi criada uma ilha Themyscira onde foram abrigadas as bravas guerreiras.


Resultado de imagem para MULHER MARAVILHA O FILME
                                     


   Resguardada por anos Themycira virou o lar das Amazonas onde poderiam lutar e viver em paz.  Nesta paradisíaca ilha vive Diana, a princesa das amazonas, que desde pequena se interessava pela arte da luta e a vontade de combater todo e qualquer tipo de guerra. Com o passar do tempo esse desejo só aumentava e ela veio a se tornar a guerreira mais poderosa de toda a ilha.


                                       Resultado de imagem para MULHER MARAVILHA O FILME


    Em uma manhã de sol quando lutava com sua tia ela acabou fazendo algo no qual nunca havia feito. Momentos depois neste mesmo dia ela vê um homem caindo do céu, algo nunca visto acontecer. Determinada em saber o que havia acontecido ela resgata o jovem rapaz, mas antes dele poder explicar o que havia acontecido uma batalha acontece entre as amazonas e homens jamais visto até então.


                                         Resultado de imagem para MULHER MARAVILHA O FILME

    Utilizando do laço dourado conseguem obter a verdade de Steve Trevor. Ao contar que havia uma guerra acontecendo fora daquela ilha, sendo ela grande o suficiente para acabar com o mundo, devido ao poder bélico. Diana fica interessada e tenta convencer as demais a ajuda-lo. Ao recusarem seu pedido a jovem decide por sua vida em risco pela de milhares de pessoas.


                                   Resultado de imagem para MULHER MARAVILHA O FILME

    Quando chega em Londres a jovem e ingênua princesa de Themy tenta se acostumar com os costumes da vida na cidade grande. Se decepcionando com algumas coisas no qual ouviu ela acaba se sentindo com mais vontade de combater a guerra sabendo ser uma grande obra de Aries.  Chegando as trincheiras e vilarejos e vendo toda a miséria que a guerra havia causado fica ainda mais revoltada e pronta para a luta.


                                         Resultado de imagem para MULHER MARAVILHA O FILME


    Ao ouvir  Steve que o batalhão de soldados ainda não tinha conseguido avançar nem um pouco no perímetro ela entra em cena  destruindo tudo que venha a ser atirado contra ela. Sendo assim o destaque de uma guerra aparentemente sem fim onde uma mulher ira fazer a diferença para capturar e destruir o criador de tanta destruição.


                                                   Pausa Para A Crítica


    O filme da Mulher Maravilha traz a história de uma poderosa heroína da Dc Comics.  Diana Prince a poderosa deusa que deixou seu povo para trás para lutar pelos outros seguindo seus próprios conceitos de certo e errado. Sendo movida pela sua garra, poder, inocência e bravura fez seu filme solo ser o maior e melhor, digno de contar toda a sua trajetória.

     Mulher Maravilha foi icônico em todos os sentidos, começando por ter sido dirigido por uma mulher fã da personagem onde de tal forma conseguiu exprimir no mínimos detalhes o que esperava da exaltação de uma personagem com o tanto de poder dentro e fora das telinhas.

     Dando uma história que tenha conexão com todos os outros filmes onde a personagem futuramente ira aparecer, podemos contar com a referencia de Bruce Wane quando vai entregar a foto do tempo onde Diana combateu na primeira guerra dando gancho para contar sua história e para o próximo filme da Liga da Jutiça.

     Tendo então todo filme começado a ser contato por uma foto podemos notar desde de a ilha de Themyscira o desenvolvimento rápido e hábil de Diana que vai se desenvolvendo e ganhando grandeza no decorre do combate onde ela vai tomando conhecimento do poder que tem dentro de si e de sua real origem.


    Quando falamos da Mulher Maravilha nos lembramos de todas as interpretações dadas para ela seja em desenhos animados, seriados e filmes. Nenhuma delas agradou o suficiente até a produção mais recente lançada esse ano onde teve a primeira atriz no qual conseguimos ver a Diana Prince da forma que imaginávamos. A Gal Gadot incorporo o espirito da personagem conseguindo da mais do que vida a ela e sim tornando ela real.

    Já no Steve Trevor podemos notar um personagem muito bem desenvolvido e parceiro, sendo ele o rapaz responsável por ela ter sido atraída para a guerra. O interessante do personagem é que mesmo ele sendo um auxiliar dela, ele sempre nos sutis detalhes da o destaque a ela, mas não deixando de se fazer importante no contexto da história.

   Outras atuações muito importantes foram dos companheiros de combate do Steve e Diana que não eram heróis, mas se tornaram ao serem levados por um bom motivo a enfrentar uma guerra no qual não estavam destinados, porem tinham todo o preparo. Tanto que tem uma cena no qual um dos personagens até diz ser um vigarista mais por um momento se sentiu um herói por esta participando de um momento importante para o mundo. Mostrando assim o contra ponto de que mesmo um vilão ou um anti- herói pode participar de feitos grandes.


    Essa foi à resenha de hoje, a nota para esse filme claramente é dez. Espero que tenham gostado e deixem seu comentário.  

Um comentário:

  1. Estou louca para assistir ao filme! Amei seu post, parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir

imagem-logo
© Do meu mundo ao seu mundo - 2016. Todos os direitos reservados.
Design por: Rachel Domingos - Apê Design.